Blog, Empregabilidade

Você quer ser um Trainee?

Escrito por no dia 09/07/2015

Então, fique ligado! Podemos dizer que está aberta a 2ª temporada dos programas de Trainee 2015.

Atualmente, uma grande parte dos jovens que entram, cursam e/ou estão saindo das universidades têm em mente iniciar uma carreira promissora através de um Programa de Trainee. Isso não ocorre à toa. Os salários são sedutores e o processo permite o desenvolvimento de habilidades e de capacitação para assumir importantes cargos executivos dentro da própria empresa em que acontece o treinamento. A propósito, estamos com a temporada aberta para os processos de seleção de Trainee neste segundo semestre de 2015.

trainee-textomaria

Devido à possibilidade de carreira promissora e salários atraentes, entre tantas outras vantagens, a concorrência para os programas de Trainee fica cada vez mais acirrada. Alguns processos chegam a ter 10, 15, até 50 mil candidatos por vaga. Com números tão altos e competitivos, algumas pessoas acreditam que essa experiência não é para elas e desistem de participar, sem tentar pelo menos uma vez.

Por outro lado, existem aqueles que passaram no processo e depois disso sentem-se “perdidos” no dia a dia da empresa, especialmente no que se refere ao relacionamento com os outros profissionais e trabalho em equipe.

Assim, preparamos algumas dicas para quem deseja participar de um processo de seleção e também para quem já conquistou sua vaga em um Programa de Trainee.

 

Para quem deseja participar

1. Coragem: A primeira palavra de ordem. Nada de pensar que o processo é muito concorrido e por isso não é para você. E, se você já concorreu a um Programa de trainee e não deu certo, o que é que tem? Quando prestamos vestibular e não passamos na primeira vez não tentamos outras? Por que aqui seria diferente?

2. Se prepare! Se você está determinado a ser um trainee, corra. Vá atrás de informações: entre em sites especializados, procure, se tiver possibilidade, um profissional de Recursos Humanos para lhe orientar, e, claro, leia, quantas vezes for necessário, o que a empresa exige dos participantes do Processo para trainee do qual você decidiu participar. Absorva o maior conteúdo que puder na Universidade. E lembre-se, hoje em dia o Inglês é considerado idioma básico. Estude outra língua.

3. Pesquise sobre: Nunca chegue a uma empresa, mesmo que não seja para um processo de trainee, sem saber sobre a organização. Pesquise tudo o que puder a respeito dela: Missão, Visão, Valores, Ramo de Atuação, Concorrentes, Produtos, Posicionamento no Mercado, etc.

 

ponto_pessoal_imagens_site_ponto_vantagens

 

 

4. Etiqueta: Tem gente que ri das regras do bom comportamento. Não caia nessa. Educação é tudo! Leia alguns manuais de etiqueta para criar seu currículo, saber se vestir adequadamente e se comportar bem em qualquer lugar e ocasião, não apenas em entrevistas. E, muito cuidado com o que posta em redes sociais, como Facebook, Twitter, entre outras, as empresas têm acessado esses perfis no momento de avaliar o candidato.

5. Você tentou, não deu certo: Avalie o que aconteceu. Faltou conhecimento teórico? Você se saiu mal na entrevista? Ficou em dúvida no que responder? Em como se comportar? Não pesquisou direito sobre o processo e sobre a empresa?

 

Para quem já é Trainee

1. O pior erro: Um dos mais graves erros que o Trainee pode cometer é achar que agora não precisa mais se esforçar tanto, que passar no processo bastou. Ledo engano. Esteja atento a tudo e busque sempre o crescimento. Continue absorvendo conhecimento, dentro e fora da empresa.

2. Orientação profissional: Se sentir necessidade de procurar ajuda profissional fora da empresa procure por profissionais da área de Recursos Humanos. Eles poderão lhe dar boas dicas de como proceder e se comportar no dia a dia, deixando-lhe mais seguro (a).

3. Dúvida: Ter dúvida não significa incompetência. Se não dominar determinado assunto ou atividade, fale, converse, se informe, troque ideias. Você está crescendo, aprendendo muitas coisas novas ao mesmo tempo e isso é mais do que normal.

4. Etiqueta: Algumas pessoas tendem a tirar sarro das regras de etiqueta. Mas, elas são fundamentais para lhe dar traquejo e ajudar a se sair bem em situações difíceis, inclusive, no ambiente profissional, evitando muitas gafes e constrangimentos.

 

Saiba mais sobre como se preparar para processos de trainee, Leia AQUI.

E aproveite para conhecer mais sobre o Programa que nós, da NEOPLAN, trazemos para você.

quest-neoplan-email_mkt-v2


SOBRE O COLUNISTA

Maria Almeida Garcia é Sócia Diretora da Neoplan – Socióloga, com pós-graduação em marketing, certificada pelo Psych-k que “trabalha com crenças limitantes”, formada pelo ICI Integrated Coaching Institute, pelo “The Inner Game International School”, Trainer QUEST – certificada pelo Center of Advanced Coaching (CAC-Califórnia), professional coach.
A frente da Neoplan, ha 21 anos atua como Coach e Headhunter. Saiba mais em http://www.neoplanrh.com.br/

Criado com Area de Membros WP