Blog, Marketing Pessoal, Método Ponto Pessoal

Papelaria pessoal – Você tem?

Escrito por no dia 27/03/2017

Qual cartão você usa para acompanhar as flores que envia, um presente de casamento ou aniversário?

E o presente que seu filho dá para o amiguinho e é entregue para a recepcionista do buffet infantil, recebe o nome dele escrito no pacote com pincel atômico para identificar de quem é?

Se você utiliza apenas aqueles cartões em branco oferecidos nas floriculturas e lojas de presentes, ou mesmo se procura caprichar comprando um desses cartões impressos (com mensagens prontas!), saiba que está perdendo uma excelente oportunidade de marcar sua imagem pessoal.

 

Antigamente todos usavam. Hoje, você pode usar para se diferenciar.

Houve um tempo em que era comum e quase obrigatório para as pessoas mais requintadas os itens de papelaria pessoal.

Caiu em desuso o cartão pessoal, do qual constava apenas o nome, endereço e telefone particular (fixo, claro!) e no caso das mulheres, apenas o nome, afinal não ficava bem uma senhora sair por aí oferecendo seu telefone. O mesmo era anotado à mão, no momento de oferecer o cartão, se fosse o caso.

Também o papel de carta, com envelopes igualmente timbrados, perdeu seu lugar, uma vez que as cartas, hoje, se restringem às comerciais, e nesse caso, o timbre é da empresa.

 

ponto_pessoal_imagens_site_6edicoes_assine-1

 

Porém, o elegante cartão duplo – ele mesmo! – utilizado nas situações descritas no início de nosso artigo, permanece tão útil e até mais necessário do que nunca.

O cartão duplo, personalizado, acompanha flores, presentes, faz agradecimentos… enfim, revela quem somos. Mostra que temos cuidado com nossos presenteados, e nos diferencia. Valoriza o presente e a mensagem.

 

Regras? Não sei… talvez sugestões

• O casal pode ter um cartão único, para as ocasiões em que ambos estejam envolvidos. Em caso de sobrenome comum: Fulano e Fulana de Tal. Em caso de sobrenomes diferentes: Fulano de Tal e Fulana da Silva. A etiqueta formal indica que o nome do homem precede ao da mulher. Pessoalmente, não acho o detalhe importante, mas deixo a dica. Para situações em que só um dos dois será o remetente, deve-se usar cartões individuais.

• É mais recomendável escolher uma cor neutra, afinal, o cartão será usado tanto para as flores para a melhor amiga quanto para o presente de casamento da filha do chefe… Deixe de lado seu gosto pelo Animal Print ou o rosa chiclete. Opte por cores claras ( lembre-se que sua mensagem precisa ser legível), impressão preta ou dourada/prateada.

• Vale investir em material de qualidade. Excelente papel, envelopes encorpados (se forrados ficam ainda mais elegantes) e gráficas de alto padrão.

• As crianças e os adolescentes também devem ter seus cartões. Aí sim pode-se abandonar a neutralidade e refletir a personalidade deles.

papelaria pessoal - carmen strobel 5

• Caso não queira investir na impressão de cartões personalizados, existem opções bastante sofisticadas, de cartões com iniciais que fazem bonito também.

• Um carimbo com as iniciais é muito barato e causa bastante impacto! Use no fechamento do envelope, com tinta para carimbo na mesma cor da impressão do cartão.

• E acima de tudo, lembre-se que muito mais que a forma, o conteúdo da mensagem vai revelar sobre você. Portanto, escreva sempre de próprio punho ( capriche na caligrafia!!!) algo original e sincero. Nada de mensagens padronizadas e clichês.

Diferencie-se!

Convido você para me acompanhar, veja meu Instagram =)

instagram-carmen strobel

 

Quer trabalhar seu Marketing Pessoal?

Banner-Texto-Adriano-Tadeu-Barbosa-Marketing-Pessoal-Nao-E-Para-Todos

 

 

Para você que quer se especializar, conheça o Método Ponto Pessoal AQUI – primeiro curso de especialização em Marketing Pessoal online no Brasil com um ano de duração, clientes reais e divulgação do seu trabalho.

 

 

capafacebook-adrianotadeubarbosa-red-828x315


SOBRE O COLUNISTA

Colunista independente Ponto Pessoal, Fonoaudióloga por formação, mas sempre envolvida com moda, tendências, imagem e tudo que se refere à estética, ao belo – seja ele percebido através dos olhos ou do espírito. Com experiência em docência em história da moda, jóias – adornos e acessórios, etiqueta pessoal atualmente curso Consultoria de Imagem no SENAC e me especializo em Marketing Pessoal com Adriano Tadeu Barbosa. Estou à frente das empresas Colar de Pérolas.com e Carmen Strobel Design de Bijoux, onde crio peças exclusivas, private label e realizo workshops e palestras sobre estilo e acessórios. | Instagram: https://www.instagram.com/carmenstrobel/

Criado com Area de Membros WP